Dezembro - 2016


02 de dezembro (sexta), às 13h00 
Na espiral da memória: as lembranças como espaços de resistência ("Sonhar o Mundo – Enfrentando nossos preconceitos”)
No encerramento da programação de 2016 será realizada uma pequena mostra das produções realizadas pelo grupo ao longo do ano; os visitantes e os educadores que atuam na instituição parceira participarão de uma roda de conversa conduzida pelo Núcleo de Educação. Nesse momento os idosos serão convidados a refletir sobre como a experiência proporcionada pelas visitas ao Museu Afro Brasil e as respectivas atividades realizadas podem subsidiá-los para o processo de identificação de seus direitos e para o exercício de uma cidadania mais plena.   


Inscrições: eventos.educacao@museuafrobrasil.org.br
A atividade tem duração de 1h15 e são realizadas com grupos de no mínimo 5 e, no máximo, 20 pessoas respeitando a ordem de inscrição e/ou chegada. Para participar, é necessário chegar com 15 minutos de antecedência ao horário programado e procurar o setor de acolhimento.
Público-alvo: aberto a todas as idades.
Valores dos ingressos e política de gratuidade estão disponíveis no endereço www.museuafrobrasil.org.br

03 de dezembro (sábado)
Às 10h30
Roda de Conversa: Museu Afro Brasil e Projetos Educativos de Acessibilidade (programação Virada Inclusiva)
Com a participação do público atendido, familiares, técnicos e educadores que atuam em instituições parceiras, a equipe de educação do Museu Afro Brasil conduzirá uma roda de conversa, com o objetivo de apresentar ao público as experiências  realizadas ao longo do ano, como parte de nosso Programa de Acessibilidade Singular Plural. Daremos destaques as ações relacionadas aos  projetos “Deslocamentos”, “Acessa MAB” e “A Mão Afro-brasileira em outros acervos”.


Inscrições: eventos.educacao@museuafrobrasil.org.br 
A atividade tem duração de 2 horas, é gratuita e aberta ao público.
Público-alvo: aberto a todas as idades. 


Às 14h00
Visita Temática: Arte para sentir, tocar e ouvir - uma experiência com os recursos de áudio descrições no acervo do Museu Afro Brasil  (programação Virada Inclusiva)
Nesta visita, o visitante será convidado a percorrer a exposição de longa duração do Museu Afro Brasil, observando especialmente um conjunto de obras que poderão ser tocadas  e que contam também com áudio descrições.


Inscrições: eventos.educacao@museuafrobrasil.org.br 
A atividade tem duração de 2 horas, é gratuita e aberta ao público.
Público-alvo: aberto a todas as idades. 


às 15h00
Bonecas Abayomi
Na oficina os participantes serão convidados a produzir abayomis e conhecer sua história. Durante a vivência serão propostas reflexões sobre a identidade afro-brasileira, racismo, preconceito e herança cultural, a partir da experiência estética criativa e lúdica da criação de bonecas.

Inscrições: eventos.educacao@museuafrobrasil.org.br 
A oficina têm duração de 2 horas e são realizadas com no mínimo 5 e no máximo 20 pessoas respeitando a ordem de inscrição e/ou chegada. Após o início da atividade, não será permitida a entrada.
Público-alvo: infanto–juvenil, as crianças devem estar acompanhadas por responsável.


Dias 4, 6, 7, 8, 9 e 11 de dezembro, às 11h30, às 13h30 e às 15h00 (apenas aos domingos)
Visita temática: “Sonhar o Mundo sem Racismo” (programação "Sonhar o Mundo – Enfrentando nossos preconceitos”)
Como resultado da pesquisa do Núcleo de Educação para a Semana de Direitos Humanos, serão realizadas visitas mediadas por meio de roteiros que abordam as relações entre direitos humanos e o enfrentamento do preconceito e do racismo.

Inscrições: eventos.educacao@museuafrobrasil.org.br 
As visitas aos domingos são realizadas com grupos de no mínimo 5 e, no máximo, 20 pessoas. Para participar, é necessário chegar com 15 minutos de antecedência ao horário programado e procurar o setor de acolhimento. 
Nestes dias, o acesso ao Museu Afro Brasil é pago. Valores dos ingressos e política de gratuidade estão disponíveis aqui


07 de dezembro (quarta-feira), às 11h00
Recortes do Cotidiano com Artista Luara (Erremays) (programação "Sonhar o Mundo – Enfrentando nossos preconceitos”)
Em parceria com a Biblioteca Carolina Maria de Jesus, o Núcleo de Educação realizará uma oficina que tem como ponto de partida uma seleção de trechos escritos por Carolina Maria de Jesus, especialmente na obra “Quarto de Despejo”. Após análise e reflexão sobre os fragmentos, o público será convidado a produzir uma zine, utilizando técnica de colagem e tendo como tema o exercício de direitos no cotidiano.

Inscrições: eventos.educacao@museuafrobrasil.org.br 
A atividade tem duração de 2h, é realizada com grupos de no mínimo 5 e, no máximo, 20 pessoas. 
Público-alvo: aberto a todas as idades, as crianças devem estar acompanhadas por responsável.
Neste dia, o Museu Afro Brasil é pago, valores dos ingressos e política de gratuidade estão disponíveis aqui


17 de dezembro (sábado), 
Às 11h00
Aos Pés do Baobá
Durante este evento de contação de histórias ou mediação de leitura, os visitantes terão oportunidade de conhecer narrativas africanas ou afro-brasileiras e, em seguida, participar de um bate-papo conduzido por integrantes do Núcleo de Educação do Museu Afro Brasil.

Para participar, é necessário chegar com 15 minutos de antecedência ao horário programado e procurar o setor de acolhimento.
A atividade tem duração de 1h30, é realizada com grupos de no mínimo 5 e, no máximo, 20 pessoas. 
Público-alvo: infanto-juvenil, as crianças devem estar acompanhadas por responsável.
Atividade gratuita.


Às 14h00
Bingana
Essa oficina tem como matéria-prima a palavra. Os participantes são convidados a conhecer, aprender, brincar e refletir sobre provérbios apresentados em três línguas: português, quicongo e lingala (línguas faladas no Congo).

Inscrições: eventos.educacao@museuafrobrasil.org.br 
Para participar, é necessário inscrever-se e/ou chegar com 15 minutos de antecedência ao horário programado e procurar o setor de acolhimento.
A atividade tem duração de 2h, é realizada com grupos de no mínimo 5 e, no máximo, 20 pessoas. 
Público-alvo: infanto-juvenil, as crianças devem estar acompanhadas por responsável.
Atividade gratuita.



18 de Dezembro (domingo), às 15h00
Visitas para público espontâneo
Neste domingo, educadores do Núcleo de Educação do Museu Afro Brasil realização uma visita mediada com todos para os visitantes interessados. A visita terá como foco temas relativos aos núcleos que compõem a exposição de longa duração e que abordam a História, Memória e Arte dos brasileiros a partir da perspectiva afro-brasileira.

Para participar, é necessário inscrever-se e/ou chegar com 15 minutos de antecedência ao horário programado e procurar o setor de acolhimento.
A atividade tem duração de 2h, é realizada com grupos de no mínimo 5 e, no máximo, 20 pessoas. 
Público-alvo: infanto-juvenil, as crianças devem estar acompanhadas por responsável.
Neste dia, o ingresso ao Museu Afro Brasil é pago. Valores dos ingressos e política de gratuidade estão disponíveis aqui

 

BUSCA

O Museu está aberto o ano todo, com exceção das seguintes datas:

  • 24 e 25 de dezembro
  • 31 de dezembro
  • 1º de janeiro